Jurisdicionada à Sereníssima Grande Loja do Estado de São Paulo

Paramaçônicas - escoteiros


Você já experimentou deitar no chão para apreciar as estrelas? Cantar e contar histórias em torno de uma fogueira? Saber que não está sozinho nos momentos de dificuldade? Sentir felicidade por ter ajudado alguém?

Caso tenha respondido que não, você nem imagina o que sentem os escoteiros nessas ocasiões.

A vida dos escoteiros é acampar ao ar livre, entre árvores e animais, subindo montanhas, fazendo atividades no mar e nos rios, curtindo a natureza.

Em sua pequena casa de lona, preparando sua própria comida e explorando os arredores, os escoteiros vivem momentos mágicos, testando seus limites e construindo amizades sólidas. Muitas pessoas que só vivem na cidade quase não percebem a beleza da natureza porque raramente a veem e, com isso, perdem um pedaço da vida.

Mas não é só a vida natural e o companheirismo que interessam aos escoteiros, eles têm uma vida cidadã com preocupações e atitudes solidárias, participativas e são adeptos da cultura da paz.

O Escotismo é uma grande fraternidade. Ser escoteiro é aceitar o outro como irmão independente de etnia, classe, credo. Se para você é importante ter muitos amigos, mas amigos de verdade, no Escotismo você os encontra.

Ao pé do fogo, numa noite de acampamento, ou no fim de um dia de jornada, a fraternidade explode em alegria que se confunde com as labaredas do fogo crepitante. Esse é um dos momentos escoteiros que todos merecem experimentar.

Se você quer viver essas emoções, procure um Grupo Escoteiro!

Para saber mais consulte:
www.escoteiros.org.br (Direção Nacional - UEB)